e-revista Brasil Energia 484

82 Brasil Energia, nº 484, 30 de novembro de 2023 José Firmo - PetroReconcavo José Firmo será o novo CEO da Petrorecôncavo a partir de 1º de janeiro de 2024. O executivo deixará o comando do Porto do Açu para substituir Marcelo Magalhães, que ficou no cargo por 16 anos. José Firmo possui mais de 30 anos de atuação na indústria de petróleo e gás, tendo sido presidente da Seadrill, IBP, Abespetro e Porto do Açu – neste último, era presidente desde 2019. A PetroReconcavo opera 57 concessões nas bacias Potiguar, Recôncavo e Sergipe-Alagoas, seis blocos exploratórios (cinco na Bacia do Recôncavo e um na Bacia Potiguar), e detém participação em duas concessões operadas por terceiro. Antonio Simões Rodrigues Júnior - Compass Antonio Simões Rodrigues Júnior assumirá a posição de diretor presidente da Compass em 1º de janeiro de 2024. Nelson Roseira Gomes Neto, atualmente no cargo, assumirá a presidência da controladora Cosan, permanecendo no Conselho da Compass, e será indicado nos próximos meses para os Conselhos da Raízen, Moove e Rumo. Atualmente, Antonio ocupa a posição de CEO da Comgás. Entre 2011 e 2020 exerceu cargos na Raízen, nas áreas de Logística, Distribuição e Trading, em São Paulo, Londres e Genebra. Em substituição ao executivo, a Comgás nomeou Felipe Ferreira Guimarães Figueiredo como novo diretor-presidente. Já na Cosan, Luis Henrique Guimarães deixará a presidência, passando a se dedicar exclusivamente aos Conselhos da empresa, da Moove, Compass e da Vale. Também foram anunciadas outras mudanças de cargo: Ricardo Lewin deixará o cargo de VP Financeiro e de Relações com Investidores para se dedicar à vice-presidência de Portfólio e Desenvolvimento de Negócios, e Rodrigo Araujo, atual diretor de Estratégia, passará a ocupar o cargo de vice-presidente Financeiro e de Relações com Investidores. Antonio Scala - Enel Brasil A Enel Brasil informou que Antonio Scala, executivo com 18 anos de trajetória à frente de diversas áreas da empresa, foi indicado como novo Country Manager da Enel Brasil. O executivo substituirá Nicola Cotugno, que esteve à frente da companhia nos últimos cinco anos e agora deixa o Grupo para se aposentar. Antonio Scala entrou na Enel em 2009 como responsável de Gestão de Risco para Gerenciamento de Energia na Itália. Em seguida, ocupou a função de chefe de Planejamento e Controle de Global Trading e liderou a Enel Green Power na América do Sul. Formado em Administração de Empresas em 2002 em Roma, Scala atuou como sócio júnior na McKinsey & Company com foco nas áreas de energia, gás e finanças corporativas. Claudia Rabello - diretora executiva do IBP Cláudia Rabello é a nova diretora executiva do IBP. Rabello foi superintendente de Promoção de Licitações de Exploração e Produção de Petróleo e Gás Natural da ANP entre 2004 e 2015. Depois, ocupou o cargo de subsecretária de Óleo, Gás e Energia do Estado do Rio de Janeiro. Em 2022, atuou como assessora de José Mauro Coelho na presidência da Petrobras. Ela é professora da pós-graduação de Óleo e Gás da Coppe-UFRJ e consultora no setor. Claudia Rabello possui cursos de Formação de Líderes da Fundação Dom Cabral e de Formação de Conselheiros do IBGC. nomes

RkJQdWJsaXNoZXIy NDExNzM=