e-revista Brasil Energia 484

34 Brasil Energia, nº 484, 30 de novembro de 2023 termelétrica Atualmente, as termelétricas movidas a gás natural representam 8,99% da matriz energética centralizada do Brasil, totalizando 17,6 GW. As fontes de energia renováveis centralizadas, que incluem hídrica, solar, eólica e biomassa, compõem 83,84% dessa matriz. Consulta pública O MME iniciou em novembro uma consulta pública para avaliar uma proposta visando a redução da inflexibilidade de usinas termelétricas com Contratos de Comercialização de Energia Elétrica no Ambiente Regulado (CCEARs), com o objetivo de diminuir custos e aumentar a flexibilidade operativa no SIN. Essa proposta busca conciliar os interesses sistêmicos e dos agentes setoriais, evitando que essas usinas tenham uma geração inflexível por motivos contratuais em períodos em que o sistema elétrico possa ser suficientemente abastecido por outras fontes menos onerosas. A UTE Marlim Azul está entre as potenciais beneficiárias dessa medida, com possibilidade de ter sua inflexibilidade operacional reduzida conforme o avanço das discussões. UTE Marlim Azul II Desde o começo do projeto, a Arke tinha intenção de construir duas unidades no terreno: Marlim Azul I e Marlim Azul II. De acordo com o CEO Bruno Chevalier, a linha de transmissão é mais “robusta” para atender as duas unidades e o gasoduto foi construído com capacidade para transportar o dobro do consumido em Marlim Azul. “O terreno está pronto, simplesmente vamos colocar uma unidade ao lado”, comentou. A proposta está em fase de licenciamento ambiental no Ibama e a audiência pública das obras foi realizada no dia 5 de outubro. Chevalier espera conseguir aprovação no começo de 2024, a tempo de participar do leilão de energia previsto para o primeiro trimestre do ano. Dentre as mudanças entre as termelétricas, destaca-se o processo de resfriamento: enquanto a primeira unidade vai ocorrer por meio da água, a segunda será pelo ar. “É um projeto eficiente, que faz com que não seja necessário mais água”, disse. Além disso, a usina deve ser um pouco maior, de cerca de 640 MW, e será possível gerar mais energia com a mesma quantidade de gás natural. n

RkJQdWJsaXNoZXIy NDExNzM=