Brasil Energia | Ed. 476 - Agosto, 2022

14 Brasil Energia , nº 476, 1 de agosto de 2022 ESTRATÉGIA O CAMINHO PARA AS EÓLICAS OFFSHORE Capacidade adicionada triplica no mundo; no Brasil a expectativa é que o setor se desenvolva a partir de 2023, desde que haja crescimento do PIB POR ALEXANDRE SPATUZZA E ESTHER OBRIEM A geração eólica offshore no Brasil se desenvolverá de for- ma mais fácil e rápida do que a geração onshore, que co- meçou a contratar parques em leilões em 2009 e chega ao segundo semestre de 2022 com 22 GW. A avaliação é da presi- dente da Abeeólica, Élbia Gannoum, ba- seada no momento pelo qual as renová- veis estão passando na economia global. “Não é uma onda, é uma trajetória defini- da, boa parte da estrada já está traçada”, disse, prevendo que o setor deve começar a se desenvolver a partir do próximo ano. Grandes desafios se apresentam. O país precisa crescer – não há demanda

RkJQdWJsaXNoZXIy NDExNzM=