Riqueza debaixo d'água

Resíduos florestais dos reservatórios hidrelétricos podem movimentar US$ 50 bilhões e ainda contribuir para o desenvolvimento sustentável

Criticados pelo impacto causado pelo alagamento de vastas áreas, os grandes reservatórios hidrelétricos podem agora contribuir para a redução do desmatamento e dos efeitos do aquecimento global. E, além disso, gerar ganhos econômicos que vão além da produção de energia elétrica. A solução está justamente debaixo d’água. Estima-se que existam hoje 300 milhões de árvores…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine

Comments are closed.